Celebração na mesa de jantar chinesa
CONHEÇA AS REGRAS DESSE JOGO DE LUGARES MARCADOS

Por Ursula Neumann

Uma das maiores obviedades – senão a maior – a respeito da cultura chinesa é que ela é permeada por tradições e costumes milenares. É claro que as refeições e seus rituais não poderiam ficar de fora. Com uma rica culinária e louças esplendorosas, os jantares à chinesa seguem regras de etiqueta muito próprias que, por sua vez, não têm nada de óbvio.

Na China – talvez mais que em qualquer outra cultura –, todos os eventos formais acontecem em volta da mesa, que, diga-se de passagem, quase sempre é redonda. É lá, por excelência, o lugar de firmar e estreitar os laços: aniversários, noivados, casamentos, negócios – e negociações – e celebrações de todos os tipos são conduzidas ali. É por isso que ter pelo menos algum conhecimento sobre esses costumes e as regras que os alicerçam é de extrema importância para você agradar os seus anfitriões e mostrar respeito e interesse pela cultura local.

Antes de tudo, é preciso observar que há um “jogo de lugares marcados” à mesa. Em um jantar tradicional chinês, os convidados deverão sentar-se na posição correspondente à hierarquia que se percebe entre eles. Essa hierarquia, muitas vezes tácita, obedece a critérios como o nível de respeitabilidade, senioridade ou prestígio de cada um dos presentes. Espere, pois, que o anfitrião ocupe o assento proeminente da mesa, ou seja, o que fica bem de frente para a porta de entrada. O convidado principal, ou de honra, ocupará o assento à sua direita; o segundo convidado mais importante ficará à sua esquerda.

É comum que exista também um segundo anfitrião, que pode ser considerado um verdadeiro secretário do primeiro. Ele se sentará perto da porta, em posição diametralmente oposta à do anfitrião principal, e ficará responsável por chamar o garçom e pagar a conta. À sua direita, deverá sentar-se o terceiro convidado mais importante e, à sua esquerda, o quarto. Se houver mais convidados importantes, eles deverão se alternar entre a direita e a esquerda do anfitrião principal. Uma vez que todos os convidados de posições mais elevadas nesse ranking social estejam acomodados, os outros poderão ocupar os lugares que restaram, resolvendo entre eles quem fica onde.

Importante deixar claro que pode haver variações desses costumes de acordo com a região da China. Em caso de dúvida, saiba que a humildade é sempre uma virtude apreciada pelos chineses. Quando você não tiver muita certeza sobre o que deve fazer, aguarde, observe e tente aprender com os demais. Em todo caso, não precisa ficar apreensivo: desfrute o jantar, descontraia e aproveite a oportunidade para fortalecer os vínculos e cultivar as suas relações. Afinal de contas, mesmo com todas essas regras tão complicadas à primeira vista, ter um momento agradável, com mesa farta e em boa companhia, é o mais valorizado nos jantares chineses.